quinta-feira, 20 de novembro de 2008

O espirito...

Aproveitei a minha hora de almoço para ir fazer algumas compras aqui ao supermercado do lado... e reparei que já estão a impingir o falso espírito natalício.... e quando utilizo a palavra impingir falo daquela musiquinha irritante de fundo, dos bombons nos início de todos os corredores, do bolo rei e primos do mesmo a meio do caminho e por aí adiante... ah e das bolas e luzinhas junto á caixa.... que é pra malta se lembrar do que é que falta para "carregar" a árvore de natal!!


Enfim... vive-se o espírito de natal como uma forma de negócio, porque tudo se resume a vender, vender e mais vender.... nada mais!! Nada incute á solidariedade, ao amor pelo próximo, á generosidade e espiritualidade!! Isso sim é o verdadeiro espírito natalício que infelizmente começa a ficar em vias de extinção!!



Pode ser que este ano com a crise instalada, as pessoas se vejam "obrigadas" a comemorar o Natal de outra forma... da forma certa!! Sem ser necessário gastar o € que têm e o que não têm...

11 comentários:

Anita :) disse...

é verdade e, pararece que começam a impingir esse espírito cada vez mais cedo de ano para ano...tudo para incentivar o consumo:/

Cristina disse...

De facto, há muito esse espírito de negócio, mas penso que o facto de ele estar tão impregnado na nossa sociedade é mesmo dos cidadãos. Simplesmente não se preocupam com essa "coisa estranha" de solidariedade, gastam mais do que podem - por muito que digam que vão poupar e é só para as crianças.

sonia disse...

Não sei miga, não sei...até jà oiço de malta ir pedir dinheiro emprestado para ir de férias...hà gente capz de tudo, se calhar até de ir pedir para comprar mundos e fundos para o Natal?
beijinhos
aqui continuamos sem arvore!Ainda néao ta na hora!

Shakti disse...

Infelizmente o verdadeiro espírito de Natal anda para ai perdido...

bj

Restelo disse...

Aqui o espírito Natalício já começou há 3 semanas...

* * Joana * * disse...

o consumismo amiga :(

gosto-muito-de-voce-leozinho disse...

olha aqui o natal é sem consumismo...uma e apenas uma prenda.

Saltos Altos Vermelhos disse...

Sinceramente tenho andado um pouco distante desse espirito, imagina só ontem me apercebi que estamos quase no final do mês! :P Venham os feriados LOL

Sónia disse...

Humpf! Nem me fales!! Ando farta do Natal há anos!! Não posso ouvir falar em presentes!!

Raios parta à mania de se comprar tudo e mais um quê!!

E depois como não compro para meio mundo e para o outro meio é só uma lembrança.....sou bicho!

Onde andas?!?!?!

Rita disse...

Não podia estar mais de acordo contigo!!! Por aqui o que fazemos normalmente é comprar as prendas durante o ano inteiro, com tempo para achar a coisa certa para cada pessoa. Raramente andamos às pressas, e ainda conseguimos poupar muito pela inflação de tudo na época natalícia :)
Este ano ainda será melhor, porque achámos outra solução, que passou por fazer a maior parte das prendas :))) E acredita que desta forma sinto que estamos mais perto daquilo a que chamas, tão bem, da comemoração do Natal da forma certa :)
Beijinhos

Liana disse...

Concordo contigo Cara Metade.

Beijo